Jogamos - Visage


✔ Mamilos Club - Recomenda - Visage

Totalmente inspirado na demo P.T. do cancelado Silent Hills, Visage mostra uma história agonizante, assustadora e cheia tensão.


O cenário principal do game é uma casa misteriosa onde coisas terríveis aconteceram e continuam acontecendo. Famílias foram mortas por seus próprios familiares, suicídios e eventos paranormais fazem parte do extenso histórico de acontecimentos desse local, o objetivo então é explorar e se manter lúcido.


A proposta do jogo é imergir o jogador em um lugar cheio de tensão, até o momento, não é possível ter uma boa noção do enredo, já que apenas um capítulo está disponível na fase de acesso antecipado, apesar disso, tudo está muito bem encaminhado e com certeza é uma grande promessa para o cenário de jogos de terror. Atualmente, o capítulo jogável de codinome "Lucy", rende várias horas de gameplay, já que o game é repleto de puzzles e lugares para se explorar.


Os gráficos apresentados nessa versão de acesso antecipado estão bem bonitos, otimizados e polidos, as únicas coisa que desapontam e com certeza serão melhoradas no futuro, é a interface geral do jogo e também a falta de opções gráficas, há uma grande quantidade de efeito de granulação no jogo que atualmente não pode ser desligada, o que acaba incomodando bastante quem não gosta do efeito. O menu, assim como o inventário in-game também estão bem crus e não muito acessíveis.


A sonorização está impecável, algo indispensável para uma maior imersão em um jogo de terror, a trilha sonora não é muito presente nesse primeiro episódio, mesmo assim notamos um trabalho detalhista e bem feito nos raros momentos em que ela aparece.

Na questão jogabilidade, Visage é simples e funcional, seguindo o estilo Amnesia, onde não vemos as mãos do personagem e nem os pés, algo que pode incomodar quem aprecia esses detalhes, em um ambiente onde deveríamos ver a sombra do personagem por exemplo, isso não acontece, dando a impressão de estar controlando um personagem invisível. No game podemos andar, correr, agachar, pular e interagir com um grande número de objetos, tudo responde muito bem aos comandos.


Desde o surgimento do trailer jogável do game Silent Hills intitulado P.T., muitos jogos apareceram com a ideia de inspiração e até mesmo a sequência da demo, mesmo assim, poucos se destacaram ou chegaram em sua fase final. Visage cumpre muito bem essa promessa e o resultado até então está surpreendente, com certeza merece sua atenção.




Pontos positivos:
  • Extremamente assustador
  • Gráficos bonitos
  • História intrigante
  • Jogabilidade simples e totalmente funcional
  • Cenários polidos e nenhum bug presenciado
  • Sonorização imersiva
  • Atmosfera sombria e muito bem detalhada
  • Preço acessível
  • Conquistas legais

Pontos negativos:
  • Sem legendas PT-BR
  • Interface muito simples e crua

Análise escrita por Aca40eSete






Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.