Jogamos - Fear the Wolves



x Mamilos Club - Não Recomenda - Fear the Wolves

(ATENÇÃO) O jogo está em Acesso Antecipado, ou seja, está sujeito a mudanças e contém muitos Bugs. Não é um game completo.

Fear the Wolves
é um FPS no estilo Battle Royale distribuído pela Focus Home Interactive e desenvolvido pela Vostok Games, o game traz um novo tipo ar ao gênero, querendo abrir a mente das pessoas que já consideram esse tipo de jogo como desgastado.


Você e mais supostamente 99 jogadores são jogados no meio de Chernobyl para lutar entre si e sobreviver a radiação que se propaga no mapa, no mesmo estilo Battle Royale com seus respectivos “círculos da morte”.

Além da propagação da zona e os outros sobreviventes que querem te matar, há também lobos que “vagam” essas terras atrás de um aperitivo muito gostoso, você. Mas isso não é realmente o que te mata, sabe por quê? Porquê não há servidores da América do Sul e sabe o que é melhor ainda? Não há jogadores suficientes pra encher um servidor na América do Norte, restando somente servidores da Europa e da Ásia. Mesmo passando incríveis 30 minutos ou, na maioria das vezes, até mais procurando jogadores, você entra num servidor que está extremamente lagado e ainda percebe que os desenvolvedores tiveram que reduzir o número máximo de jogadores em uma partida para 40 players para conseguir fechar mais servidores e a sua pouquíssima base de jogadores conseguir achar uma partida dentro de 20 minutos. Detalhe, no dia em que estou escrevendo essa análise tivemos uma surpreendente quantidade de jogadores com o máximo de 50 e agora, somente 17, não conseguindo sequer fechar um servidor “inteiro”.

O objetivo do jogo é o de se esperar, chegar vivo aos momentos finais em que a radiação está espalhada no mapa inteiro e escapar em um helicóptero que somente levará um jogador a salvo, como no jogo S.O.S., ou simplesmente ser o último jogador sobrevivente.


O jogo é mais uma cópia do famigerado PUBG, ou seja, já é de se esperar ter relativamente a mesma experiência, no entanto, diferentemente de PUBG, consegue ser ainda mais mal otimizado e ter os movimentos mais toscos e robóticos ainda.

Admito que me interessei pelo gameplay já que me senti muito empolgado enquanto jogava por ser interessante e divertido, contudo, com todos esses pontos negativos, só me faz lamentar já que é basicamente impossível ter uma boa experiência com o game.

Portanto, Fear the Wolves é mais um jogo que tem a ideia muito promissora e que poderia chegar a ser algo muito bom mas que infelizmente peca em trazer o que promete, não é praticamente nada perto do mostrado no trailer que ainda foi revelado na maior feira de jogos do mundo, a E3.


Eu fico realmente muito triste por esse jogo já que ele tem uma proposta muito interessante, um gameplay até que divertido e que te deixa empolgado...é um jogo que realmente tem potencial para se tornar algo legal para as pessoas jogarem, mas está em um completo estado lamentável de decadência.

Pontos favoráveis: 
  • A ideia e o conceito por trás do jogo;
  • Gameplay.
Pontos desfavoráveis: 
  • Gráficos;
  • Toda a ideia que o jogo quer lhe oferecer, mas não oferece;
  • Otimização;
  • Animação;
  • Não há tradução para Português;
  • Bugs;
  • Lag (não há servidor da América do Sul);
  • Não há jogadores suficientes para encher dois servidores inteiros (contando jogadores de TODOS OS SERVIDORES no mundo inteiro).



Olá! Meu nome é Bruno e sou responsável pela análise que você acabou de ler, dúvidas ou sugestões não deixe de comentar.

⃒ Steam ⃒ Twitch ⃒ Discord ⃒  ______________________________________

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.