Expansão transformará o Dying Light em um battle royale


Tentar prever o que acontecerá na indústria de games é uma tarefa bastante complicada, mas de vez em quando esta é uma área tão previsível que chega a ser engraçado. Um exemplo disso é o recente interesse das desenvolvedoras por games no estilo battle royale.

Após o PlayerUnknown's Battlegrounds se tornar um dos maiores sucesso do ano, era evidente que outras empresas tentariam abocanhar uma fatia deste bolo e depois de Epic Games, Rockstar e Crytekse arriscarem no gênero, chegou a vez de mais uma anunciar um jogo assim, mais precisamente, a Techland com uma expansão para o Dying Light.

Com o nome de Bad Blood, esse DLC que funcionará de maneira independente do jogo principal contará com muitas das mecânicas do Dying Light, como por exemplo misturar o confronto entre jogadores reais e personagens controlados pelo computador, os famosos modos PvP e PvE.

"O nosso objetivo é tanto satisfazer a demanda por jogabilidade PvP competitiva quanto, explorar novas direções para a experiência multiplayer do Dying Light," explicou Tymon Smektala, produtor do jogo. "Como o Bad Blood foi inspirado pelos pedidos dos fãs, queremos que o feedback dos jogadores seja uma parte integral do nosso desenvolvimento. É por isso que convidamos os fãs do Dying Light a fazerem parte da nossa sessão de testes global. Eles poderão jogar a expansão antecipadamente e compartilhar seus pensamentos, e saber suas opiniões terá uma grande influência no desenvolvimento do Bad Blood."

Neste modo grupos formados por seis pessoas serão jogados numa área infestada por zumbis e então eles terão até o anoitecer para chegar a uma determinada área do mapa. No caminho os jogadores poderão pegar armas espalhadas pelo cenário, além de usar suas habilidades em parkour para ultrapassar os obstáculos.

O interessante é que para conseguir uma vaga no helicóptero de fuga, os jogadores precisarão coletar sangue dos infectados e aqui entra um detalhe importante: será possível transformar nossos parceiros em mortos-vivos, então o clima de traição estará sempre presente nas partidas.

Previsto para ser disponibilizado em algum dia de 2018, o Dying Light: Bad Blood promete trazer alguma novidade para o gênero e se você tiver se interessado pela expansão, poderá se inscrever no site oficial para tentar conseguir uma vaga no período de teste.

Fonte: Meiobit

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.