Jogamos - Hurricane


Hurricane é um jogo Indie de ação/exploração/craft com elementos de RPG, desenvolvido e distribuído por Because I Can – Sendo este o único título da empresa na plataforma Steam – seu foco está no multiplayer online e não nos apresenta uma história que explique ou justifique os eventos in-game, basicamente você deve sobreviver, caçar, construir e lutar.


Mesmo destinado ao modo online, também é possível jogar offline, claro que as proporções não são as mesmas, fora que à experiência será menos intensa. Jogando sozinho e com à ausência da internet é possível explorar o mapa, coletar itens, derrotar inimigos – em maioria são apenas esqueletos – alguns subchefes e chefões, mesmo com ausência de um modo história, jogar offline acaba “suprindo” essa necessidade.

Visualmente falando, o game possui boas semelhanças com Minecraft, não apenas pelos “quadrados” mas de uma forma geral, também preciso mencionar a suavidade da iluminação e o bom trabalho realizado com as sombras e outros pequenos detalhes que muitas vezes passam despercebidos. Quando a parte sonora, não espere músicas, o game ignora isso, deixando-nos apenas com os efeitos de sons dos passos, de atacar, defender etc.


A jogabilidade é descomplicada, seu sistema de craft também é simples e não acho que um tutorial seja preciso, seus comandos são bem familiares e simples, porém algumas movimentações estão lentas, então durante as lutas será preciso atenção para não levar dano por conta disso. Por mais que o game preze pela simplicidade visual e de gameplay, seu desempenho mostrou-se estável, o fps raramente sofre quedas, porém é preciso de mais conteúdo para o game realmente ter algum diferencial.

Para um título em acesso antecipado, o que nos é apresentado está razoável, mas claro que espero muitas adições e melhorias até que seja lançado oficialmente. O multiplayer de Hurricane vive quase sempre vazio, ao menos nesta fase de EarlyAccess, tenha isso em mente.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.