Jogamos - Arrow Heads


Arrow Heads é um jogo indie de ação com foco no público casual e na diversão com amigos – online ou local – ele é desenvolvido e distribuído por OddBird, sendo o único game da empresa na plataforma Steam. É um título simples que colocam os pássaros Vs ursos, não existe uma história ou qualquer justificativa – ao menos, não encontrei – há simplicidade vista neste aqui é tanta que até pesquisei se não existia uma versão mobile, que não existe de fato.

O game contém dois modos para jogar:

·         Arena (batalhas online 2-4);
·         Arcade (single player 1-4);


Existem 5 personagens para escolha, também 7 arcos disponíveis para uso e 11 diferentes tipos de flechas – tudo é comprado com gold, moeda do game que você adquire durante as partidas – para mudar e/ou comprar, basta escolher um modo de jogo e ir em customize. Os players são divididos em cores (vermelho, azul, amarelo e verde).
A parte visual de Arrow Heads é fantástica, os efeitos também estão ótimos, assim como os áudios. Apesar de toda à sua simplicidade, ele vai exigir bastante agilidade conforme as waves de ursos passam, alguns mapas vão lhe obrigar a pular bastante, diferente de outros, então é recomendado nunca ficar parado e usar bastante o dash/esquiva, mirar não é um grande problema, mas pegar o jeito com o arco é outra história.


Mesmo sendo um jogo bonito, ele é capaz de rodar até mesmo em computadores mais simples, é possível fazer alguns ajustes visuais para deixar ainda mais leve. Na tela de opções – settings – você pode configurar o display (onde estão as configurações gráficas), áudio e controles, essa opção aparece após você escolher o modo de jogo. O game não lhe obriga fazer tutorial, tudo que existe é uma tela onde mostram os comandos e você pode usar livremente eles para testar.

Infelizmente pela falta de mapas, jogar o modo arcade – sozinho ou coop – é sem graça depois de um tempo... Faltam mais mapas, eu diria que adicionar mais é algo urgente, pois com à falta de jogadores online resta apenas enfrentar as waves para completar as conquistas e passar o tempo. O mais interessante seriam as batalhas entre jogadores – online – mas faltam players.... Isso poderia ser resolvido com um port para Android, o game é leve, simples e não exige muitos comandos, então seria vantajoso para a empresa ter esse jogo em formato multiplataforma, assim não faltariam pessoas online. Fica essa dica para os desenvolvedores.


Apesar dos pesares, é um jogo divertido, casual.... Tendo isso em mente, é um título que recomendo, o ideal é que seus amigos tenham também, já que à maior diversão é jogando online e você pode convidar pela própria plataforma Steam. Talvez o jogo ganhe popularidade com tempo, mas até que isso aconteça, você pode buscar completar as conquistas existentes jogando contra as waves.

Destaques:

- Visual e efeitos sonoros;
- Leve, otimizado;
- Comandos simples;
- Mais divertido com amigos;

É preciso melhorar:

- Mais mapas;
- Faltam players online;

Bugs encontrados:

# Ao abrir o game, o mouse ficou travado horizontalmente e verticalmente, indo apenas até o meio da tela, me obrigando à usar o controle para escolher os modos de jogo. (Para voltar ao normal, é preciso minimizar o jogo e chama-lo de volta com o ALT+TAB). Fato ocorreu 2 vezes.


Evan "Zniffer" Ramos: Fã dos mais variados gêneros de jogos, nintendista e gamer de carteirinha, escreve notícias e reviews em suas horas vagas. Apaixonado por Cavaleiros do Zodíaco e as mais diversas áreas da TI, focando seus esforços na segurança da informação e infraestrutura. E-mail para contato: ev4n.r4mos@gmail.com

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.