Jogamos - Hello Neighbor


Até onde você iria para descobrir os segredos sórdidos do seu vizinho? Você acaba de se mudar para uma vizinhança nova, logo de cara, encontra um homem parado na porta da casa da frente olhando fixo na sua direção. Esta casa se distingue das demais por possuir passagens externas, um espaço de terra cavada recente e armadilhas de urso em frente às portas e janelas. Então, o que faremos? É claro que pegamos nossa lanterna, binóculos e iremos bisbilhotar o que este estranho vizinho esconde. Portas trancafiadas, celas e cadeiras travando passagens irão nos atrapalhar logo de início. Nossa única opção é correr, se esconder nos armários (isso não quer dizer que seu vizinho seja bobo suficiente para achar que não tenha alguém na casa. Ele vasculhará tudo) ou podemos usar os elementos que o jogo disponibiliza para pregar peças nele. 

Hello Neighbor é um jogo de terror sem jump scares. Ele se cria pela atmosfera e desespero de conseguir resolver os puzzles sob pressão. O jogador está ciente de quem é seu perseguidor e onde ele está, portanto, a proposta criada pelos desenvolvedores é muito bem executada em criar desespero de não ser capturado e fazendo o jogador seguir inventando maneiras novas de entrar na casa alheia. 


Hello Neighbor fez muito sucesso quando a demo foi distribuída, agora, para nossa alegria, o jogo completo será lançado dia 29 de agosto. Você pode compra-lo em Alpha Access, testá-lo e ajudar os desenvolvedores com eventuais bugs e problemas. 

O Mamilo’s Club assim o fez, e podemos garantir que a aquisição é vantajosa. O jogo garantirá muitas horas de gameplay, e de desespero por causa de um louco te perseguindo lançando pratos, potes e caixas para te alcançar. Por justamente se tratar de Alpha Access, é normal que em alguns momentos bugs ocorram, como por exemplo, ser pego dentro de um armário sem ele ser aberto, ou, seu perseguidor ficar preso em determinado local correndo sem parar. Porém, segundos depois, ele voltará aos afazeres normais e o jogador pode continuar com a jogatina. A frequência de atualizações para corrigir estes problemas é alta para beneficiar os jogadores. Nesta semana, já ocorreram duas,  e eventualmente a transição para o modo Beta. De acordo com o Site Oficial, o jogador pode fazer o download gratuito das versões anteriores, lembrando que o jogo completo somente sairá no dia oficial do lançamento. Além disso, será possível adquirir o jogo para Xbox. 

A fluidez de jogabilidade, tanto no controle quanto no teclado é fantástica, muito fácil de manusear objetos. Podemos dizer o mesmo referente aos gráficos e som. A renderização é boa e não há drops de FPS em nenhuma parte da casa ou da vizinhança. Mesmo com os requisitos de sistema considerados alto para tal jogo, testamos todas as configurações de qualidade gráfica, podendo dizer que se seu computador não possuir todos os requisitos, ainda há a possibilidade de joga-lo com configurações mais amenas e mesmo assim, não mudará drasticamente a qualidade de imagem.

A boa notícia para os brasileiros é que mesmo com o menu somente em Inglês, o jogo é praticamente mudo, fazendo com que não se perca a imersão do jogador que não sabe outro idioma além do português.

Portanto, para aqueles cansados do horror jump scare, esta é uma boa chamada para um jogo de terror. Seus gráficos estilo Tim Burton nos remete ao um ambiente tenebroso e ao mesmo tempo infantil. É maravilhoso jogar algo com uma proposta diferente e muito bem executada. E sobre a história do que seu vizinho esconde...Somente jogando pra descobrir!

Tecnologia do Blogger.