Jogamos - DESYNC


DESYNC é um intenso jogo de ação em primeira pessoa, e poder jogar ele é como relembrar os antigos filmes futuristas da década de 90, cheio de raios Laser e músicas Disco, hoje podemos chamar isso de RETRÔ. Os primeiros minutos, ainda não sabia como inciar o jogo, os menus são integrados, ou seja, eles estão dentro do jogo e você deve entender como eles funcionam. E para variar, FPS sempre me deixa ansioso, nervoso... e com medo de morrer para sempre.

Esse jogo faz tanta menção as décadas passadas que ao iniciar o jogo os gráficos ficam oscilando, como se o monitor tivesse algum defeito... E se perceberem,  vários jogos voltaram a este estilo estético de nostalgia.

Não há nenhuma história por trás de DESYNC, até porquê, nem todos os jogos precisam de uma narrativa. Em uma arena, apenas meta a bala em combos de robôs inimigos para que consiga fazê-los em cacos de vidros espalhados pelo chão afim de obter uma excelente pontuação e ter seu nome ranqueado no placar, e não esqueça do loot!

Você precisará derrotar um Defensor de Zona para avançar para novas Zonas. Defensores de Zona empregam ataques que desafiam a sua compreensão de sorte no azar.

No final de cada Zona, as informações de pontuação são classificadas e alimentadas no sistema que identifica o seu estilo de jogo ao longo desse nível, e quão eficaz e elegante você foi ao passar de nível.

Infelizmente uma das deficiências de Desync é que não há nenhuma configuração de dificuldade, é apenas difícil o tempo todo. Suporte a ideia de morrer várias, várias e várias vezes e recomeçar de onde parou. A marreta vai lhe matar, fuja dela (Irá lembrar disso ao jogar).


Se você joga bem, você e sua munição durarão mais. Se você perder seus tiros ou estragar seus movimentos, suas armas se esgotarão em segundos. Cada erro pode ser facilmente fatal.

DESYNC requer uma mistura especial de paciência e precisão, mostre ao mundo o melhor estilo de jogo, combinação de armas e altas pontuações.

Tecnologia do Blogger.